terça-feira, 3 de junho de 2014

Olhos azuis














Gosto de me perder em seu olhar,
onde o céu se ancorou.
E um pedacinho dele,
ali deixou.

Olhos azuis, que as vezes tem um que,
de inquietude.
Uma tempestade de sentimentos.
E tormentas de mar!...

Outra, de águas calmas,
onde a brisa vem e arrepia,
trazendo ondas serenas,
e acalmando o meu coração.

Olhar que provoca,
e me convida a mergulhar
neste mar de céu azul.
Olhos azuis!...Meu querer!...
Minha perdição!...

Maria Bonfá
03/06/2014

Um comentário:

✿ chica disse...

Linda poesia e olhos azuis que te inspiraram! beijos,tudo de bom,chica
Estavas sumidinha ou eu não te vi?