sábado, 22 de agosto de 2009

Te Espero....







Meu doce amor
venha me amar
como se não houvesse
Mais um amanhã...

Vamos viver
uma aventura
no silencio da noite,
Leva-me por caminhos
que ainda desconheço,

Faça-me ávida de seu corpo
Quero-te como nunca...
Emoções afloradas,
Meu desejo À flor da pele...
Em silencio e na quietude
Eu Te espero...


® Maria Bonfá ♥
22/08/09

Um comentário:

Filosofia de gaveta disse...

Lindo!!! Os poemas e seu blog são lindos!

parabéns e obrigada por trazer para cá meu banner!

Beijos