domingo, 21 de fevereiro de 2010

Meu Menino....























Sempre que te via eu sorria
e pensava
Meu menino!
homem feito, alto forte
olhar ingenuo e sorriso timido

Meu menino

Era tão bom te ter
Perto de ti me sentia
fragil, delicada
Uma menina!

Quando abraçava-me
olhava em meus olhos
nossas bocas se tocavam
Acabava a inocência
o menino sumia
surgia o homem,
másculo, viril

Que fazia de mim
uma mulher sensual
apaixonada e insaciavel de ti

Quanta saudade sinto
Meu menino
o tempo passou,
e te tenho ainda dentro de mim

Nas minhas lembranças
Tú és ainda e sempre será
meu menino querido
Meu menino !

Maria Bonfá
21/02/10

15 comentários:

Sandra Botelho disse...

Para nós esses homens sempre serão meninos...
Lindo demais seu poema amiga, esses meninos homens que nos dão tanto trabalho .
Mas não vivemos sem eles ne?
Bjos querida

Andréa disse...

Lindo miga!
Amei parabéns!
Vim aqui matar a saudade,
sabaia que iria te encontrar aqui!rsrsrs
Vê se aparece!
Bjsss

Luciana Klopper disse...

Homens sempre são meninos!

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Maria!

Este é o post*****************
EU SÓ QUERIA QUE ME OUVISSEM

Da Renata

Pra Maria Majoli
(acho)
E é uma mulher loira e linda de biquini na água******************
Loiro escuro e + velha (modelo maravilhosa)

É sobre tropeços e recomeços
Termina assim:

Tô de volta!

Kimbanda disse...

Olá querida amiga.
Tudo o que esse poema lindo e cheio de alma transmite, está em ti. E despertará de novo, porque faz parte de quem tem tão grande sensibilidade. A altura certa e reservada para suceder é a única incógnita.
Prazer vir conversar contigo e depara com este lindo poema ao amor e aos sentimentos.
Bjs e um kandando amigo

Chica disse...

Que lindo poema para o teu menino e nem importa o tamanho...são sempre assim!beijos,chica

Pelos caminhos da vida. disse...

Bom domingo

Hoje é domingo...
dia lindo lá fora...
quero lhe desejar...
um lindo e iluminado domingo pra você...
desejo que seu dia de domingo...
seja cheio de alegrias...
que você viva suas fantasias...
ouça os pássaros...
veja as borboletas... circulando pelas flores...
buscando o néctar...
buscando a doçura dessa vida...
Que os raios do sol...
transmitam-lhe alegria...
....vida...
....energia...

Se a chuva manter-se

que traga-lhe gotas de bênçãos....
Faça uma fotossíntese em sua alma...
pense em Deus... ele te ilumina nesse domingo...
Te iluminará sempre...
Hoje é domingo...
Viva... ria... corra....divirta-se...
Distribua amor para quem
você ama...
Aproveite esse domingo...
Distribua o seu amor...


beijooo.

Clecilene Carvalho disse...

Quando olhamos e vemos o outro como no primeiro encontro é pq o amor permanece vivo. Ás vezes crescer é necessário, mas em outros aspectos...

Muito lindo viu!

Tenha uma excelente semana.

Beatriz Prestes disse...

Chegando para ficar pertinho do teu coração!!
Mais que lindo amiga querida!
Beijo muito carinhoso
Bea

Lidia Ferreira disse...

Selinho pra vc
http://selosmeme.blogspot.com/2010/02/obrigada-querida-pela-indicacao.html

Lidia Ferreira disse...

querida tenho outro selinho pra vc http://selosmeme.blogspot.com/2010/02/jakeline-manga.html

Majoli disse...

Querida, Meu Menino...é assim que a gente se sente perante o homem que amamos, é como se pudéssemos aconchegá-los em nosso peito...e depois vem o desejo aí ele se transforma no no homem que irá nos satisfazer e se sentir satisfeito ao nosso lado.

Doces recordações, lindo poema.
Beijos, saudades.

Elaine Barnes disse...

Parabéns poetisa! Saõ eternos meninos e que bom né?! Acho que cada homem tem seu encanto e importancia pra gente,dizem que todos são iguais,mas, se fossem mesmo ,não precisaríamos procurar um pra nós, era só pegar qualquer um não é? Ontem entrei e vc não estava mais, depois falei com a Sandra e travou tudo. Desisti. Montão de bjs e abraços carinhosos.
ps: Chorona! rs...

meus instantes e momentos disse...

que bom voltar aqui.
beijos pra vc.
Tenha uma ótima semana.
Maurizio

Daniel Savio disse...

Em quem não tem instantes especiais vivendo o amor?

Fique com Deus, menina Maria Bonfá.
Um abraço.