sábado, 13 de março de 2010

Desejo....




















Tão logo te aproximas
sinto teu olhar
Meu corpo cobiçando
Olhar malicioso, gostoso
Arrepiando minha pele

Tuas caricias me assediando
E logo me incendiando
Minha boca pedindo a tua
 E você voraz me atende

Nosso coração em descompasso
Tua língua me percorrendo
Desejos são traçados no mapa que já conheces
Caminhos vão aquecendo

Me cobres com seu corpo
Te aceito com urgência
Provo-te sentindo teu sabor
E tu me saboreias
Detalhes por detalhes

Sabor proibido. Gostosa libido
Sensações que estavam guardadas
E por você libertadas
Entre quatro paredes existe
Nosso universo
Onde tudo é revelado

Amor gostoso, sem preconceitos
Amor viciante
Banquete desejado, cobiçado
Quero sempre mais e mais

Maria Bonfá
13/03/10

15 comentários:

Majoli disse...

Ulálá
Minha querida amiga, arrasastes nesse poema extasiante.
Bateu até uma vontade de matar sentir novamente um certoi alguém bem pertinho de mim pra vivermos intensamente cada palavra dessa linda poesia.
Amiga, assim você me faz sair do sério...rs.

Gosto muito de ti.
Poetisa linda que você é.
Amo, amo.
Beijos com carinho.
Fique com Deus.

Alvaro Oliveira disse...

OLÁ AMIGA MARIA

POEMA INTENSO, PROFUNDO, SENSIVEL,
DE ANSEIOS E DESEJOS DE AMOR.
ADOREI ESTA BELEZA POÉTICA.

UM BOM FIM DE3 SEMANA

BEIJOS

ALVARO

Chica disse...

Coisa boa esse amor!Lindo!beijos,tudo de bom,chica

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Que saudades de você, querida*

*O contrário de mim costuma ser a Musa

A quem a artificial beleza inspira verso,

Beleza tal que mesmo o céu por adorno usa,

E se repete em todo encanto do universo;

Beleza que, com inflado orgulho, se compara

Às gemas do oceano, à Lua, ao sol, à terra,


À prima flor de Abril, a cada coisa rara

Que em sua redondeza o etéreo espaço encerra.

Eu, ah! Vero no amor, tão-só a verdade escrevo,

E hão de me crer então: "Meu amor é tão lindo

Como uma criança para a mãe, embora enlevo

Nenhum nele ninguém veja sidéreo e infindo".

Digam o mais que à fama agrade e, assim, a estenda...

Eu, neste assunto, não farei pregão de venda.

SONETO XXI
WILLIAM SHAKESPEARE
Trad. da Renata*

Beijos
Ótimo Hoje!

Pérola disse...

Oi amiga.
Seus poemas são bem românticos,sensuais e eu adoro rs.
Um beijo minha dama.

Sandra Botelho disse...

Uallll!!!
Chama o bombeiro.
menina que delicia de sensualidade.
Amei.
Bjos querida tenha dias lindos

Anita "Menina Flor" disse...

Nossa! É de arrepiar suas poesias, muito sedutoras, tem um gostinho de sensualidade, frenesi absoluto. Obrigada pela visita. Volte sempre. Bjs e ótima noite.

Elaine Barnes disse...

Quando a coisa boa nada melhor que um "bis"! Desejos guardados quando libertados saem até descompassados,mas, quem se importa? O gostoso é se lambusar! rs... Muito bom, amei! Montão de beijos e abraços

Maria disse...

Amiga, sendo hoje dia 14 de Março, o Dia Nacional da Poesia aí no Brasil, não podia deixar de passar por aqui, para lhe desejar um dia cheio de alegria e inspiração e que esta cresça cada vez mais e se traduza em lindas poesias cheias de sentimento, como as que aqui nos deixa.
Bjs
Maria

Pérola disse...

Vim te deixar o meu boa noite.
Beijokas.

Beatriz Prestes disse...

Oi minha querida....
Estou aqui me presenteando com tua alma em versos!!!!
Obrigada por tua poesia linda, obrigada por tua amizade preciosa!!
Teu selinho mais que lindo está já no meu blog!! Amei, amei, amei!!
Obrigada por este carinho mais linod!
Te adoro
Bea

Pérola disse...

Ficarei mais atenta.
Mas estás assim por amor ñ é?
Beijos minha linda.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Feliz Dia Da Poesia, Poeta Maria Bonfá*

*Sou mulher que encanta

Qual flor

Embalada

Pelo vento

Meus atrativos

Presentes em todos os tempos

Cintilam

Tenho cálices redondos e rosados

Formas curvilíneas

Cheiros açucarados

E sei fazer feitiços

Que entretecem

A vida

Dos homens e das flores*

Poema da Renata

Beijos**************

Sonhadora disse...

Minha querida
Lindo poema, muito cheio de emoção.

Beijinhos
Sonhadora

Daniel Savio disse...

Mas menina, que disse que volupia não é bom?

Fique com Deus, menina Maria Bonfá.
Um abraço.