segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Tua indiferença...























Sei que um dia serei para ti
Apenas uma vaga lembrança.
Nunca saberás ou entenderás
A dimensão do meu amor.

Dei-me inteira a ti
Nunca percebestes minhas lagrimas
Escondidas em meu sorriso
Quando eu te fitava com amor

Nunca sentiu meu coração
Que pulsava louco de paixão
E chorava de dor
Diante de tua indiferença

Talvez um dia sintas saudade
Talvez!....

Maria Bonfá
20/09/10

5 comentários:

Luciana Klopper disse...

Lembranças são boas, mas saudades as vezes sufoca!

Daniel Savio disse...

Sempre arrependemos de perder algo que nos importa...

E boa poesia menina.

Fique com Deus, menina Maria Bonfá.
Um abraço.

Marilu disse...

Querida amiga, talvez ele sinta saudades...mas quem sabe ai já será tarde para ele...Beijocas

claudete disse...

Sua poesia diz tudo, é coerente com o que você sente e...É o bastante..Dar vazão aos nossos sentimentos é o que importa ..Um dia a saudade baterá na porta certa , com certeza! beijos no coração.

Palavras ao Vento... disse...

Lindo poema... Sei como é isso... Estou seguindo-te, apareça no meu blog tbm.
bjs